Cadernos de ViagemTwo Feet on the Ground

Kruger Park, bem-vindos a África

O cheiro húmido a terra, o calor intenso e os tons quentes da savana não enganam, estamos em África. Mais concretamente a cerca de 3.000 km a sul da linha do equador. É no Kruger National Park, o maior parque natural de vida selvagem da África do Sul, que se localiza um dos maiores santuários de fauna selvagem. São perto de 1.000 espécies diferentes de animais que coabitam naquele que é também um dos principais destinos de observação da vida selvagem do mundo. Repleto de lendas e histórias, este parque é um pedaço de paraíso na terra, com uma riqueza de fauna e flora incomparável.

Fazer um safari na savana africana será, certamente, uma das experiências mais incríveis do mundo. O Kruger Park, na África do Sul, será provavelmente um dos primeiros destinos que vêm à memória de todos. Há, na África do Sul, muitos outros parques nacionais e reservas privadas que permitem este tipo de experiência, mas o Kruger é o mais famoso de todos. E com razão!

Realizado o sonho de muitos viajantes, e uma vez no parque, o grande objetivo é encontrar os cinco grandes de Áfricas, os Big Five. São eles o leão, elefante, rinoceronte, leopardo e búfalo. São considerados como os cinco mamíferos selvagens de grande porte mais difíceis de serem caçados pelo homem. Este termo vem precisamente de uma época em que grandes personalidades mundiais viajavam África para caçar estes animais por lazer. Não pelo seu tamanho, mas serem os mais difícis de caçar, tornaram-se os “Big Five of Africa”. O risco de extinção de extinção destas espécies tornou-se de tal forma sério que as grandes reservas começaram a voltar-se para o turismo. Nas últimas décadas, tem sido reforçados esforços para proteger estes animais, preservar o seu habitat e evitar a sua extinção e o Kruger Park faz parte desse movimento. Aos 5 gigantes africanos, juntam-se todas as outras espécies icónicas como a girafa, o hipopótamo, a zebra, os macacos, os impalas ou a chita, e centenas e centenas de outras espécies de mamíferos, peixes, pássaros, plantas e anfíbios. O Kruger parque é o expoente máximo da biodiversidade no seu esplendor.

Entrar no meio da savana africana, onde não há nada que separe o homem e a natureza, é uma experiência marcante. Na natureza da savana, no seu estado mais puro, quem manda é o mais forte e a lei da sobrevivência é a que impere. Uma vez dentro do parque, deixa-te levar à descoberta. Não tenhas pressa de encontrar os Big Five e não te preocupes com o tempo. Segue ao ritmo africano e espera, porque qualquer seja o tempo de espera, nunca será tempo perdido. Bem-vindos ao Kruger Park!

➳ LER: Visitar o Kruger Park na África do Sul

Se vieres de Joanesburgo, aproveita a viagem de carro para fazer um desvio de 1 ou 2 dias e explorar a Rota Panorâmica pelo Blyde River Canyon. O desfiladeiro do Rio Blyde é o terceiro maior desfiladeiro, ou canyon, do mundo. É considerado também o maior canyon verde do mundo, e abriga uma grande diversidade de vida, incluindo numerosas espécies de peixes, aves, antílopes e outros mamíferos habituais na África do Sul. A Panorama Route é uma das rotas mais cénicas do mundo, com paisagens incríveis para o Blyde River Canyon, com cascatas naturais inusitadas, formações rochosas peculiares e uma fauna e flora incomparável.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.